Upscaling ATENA

Projeto POCI-01-02B7-FEDER-050561

 

Designação do Projeto:
  • Upscaling Atena – Desenvolvimento, teste e otimização da versão 2 do ventilador Atena para a sua produção em larga escala a partir da indústria nacional
Código do Projeto:
  • POCI-01-02B7-FEDER-050561
Objetivo Principal:
  • O projeto Upscaling Atena pretende contribuir para a criação de uma nova indústria com cadeias de valor de proximidade
    para a produção de equipamentos instrumentalmente críticos na preservação da vida, através do desenvolvimento, teste e otimização do ventilador médico invasivo Atena, tendo em vista a sua produção em larga escala a partir da indústria nacional.
Descrição:
  • Este projeto corresponde à segunda fase de uma iniciativa mais abrangente que se iniciou no CEiiA com o objetivo de desenvolver e produtizar um ventilador mecânico invasivo para ser industrializado em Portugal, no curto prazo, e permitir a sua evolução para novas versões com elevada incorporação nacional. A primeira fase centrou-se no desenvolvimento e produção da versão V1 do Atena, em 45 dias, para ser usado em UCI durante a pandemia COVID-19, e em conformidade com as normas aplicadas pelo INFARMED para esta fase. Nesta fase de Upscaling do Atena, o objetivo desenvolver uma versão avançada (V2), com uma arquitetura (software e hardware) estruturada em subsistemas, sistemas e
    módulos que permita uma adequação às competências da indústria nacional e que permita também responder à certificação CE para a sua produção em larga escala e internacionalização do produto. Para isso, este projeto junta o CEiiA, o DTx, a EFACEC e a Exatronic, para a partir deste consórcio se desenvolverem os processos para criar a cadeia de valor deste produto, tendo em conta a industrialização em larga escala, as normas de certificação CE e as tendências de evolução dos ventiladores invasivos para tratamento descentralizados através da monitorização remota para colmatar o número reduzido de especialistas aptos a operar estes equipamentos. Os desenvolvimentos de I&D alcançados neste campo, permitem reduzir o risco de exposição/contaminação dos profissionais e providenciam avanços para a disponibilização destes tratamentos a mais pacientes (se necessário), enquanto apoiam as respetivas decisões médicas associadas.
Parceiros da Exatronic:
  • CEIIA - CENTRO DE ENGENHARIA E DESENVOLVIMENTO (ASSOCIAÇÃO)
  • DTX – Associação Laboratório Colaborativo em Transformação
    Digital
  • Efacec Energia
Data de aprovação:
  • 27-09-2020
Data de início:
  • 01-04-2020
Data de conclusão:
  • 30-06-2021
Custo total elegível:
  • 1.382.316,47 €
Apoio financeiro da União Europeia:
  • 1.105.853,17 €